quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Relato do projeto Auxílio Viagem Internacional - SBB







Relato de uma viagem inesquecível

Sou estudante de graduação de do curso de Educação Física da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), sou formada em Engenharia de Alimentos pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e durante minha vida acadêmica sempre estive envolvida com pesquisa, ciência e tecnologia. Meu interesse pela Biomecânica aumenta exponencialmente e frente a isto, me tornei bolsista de apoio técnico do Laboratório de Pesquisa e Avaliação Física (LAPAFI) da PUCRS, trabalhando sob a coordenação do Prof. Rafael Reimann Baptista, que foi quem me apresentou a Sociedade Brasileira de Biomecânica (SBB).
Sou membro da SBB desde 2016, e desde então esta experiência tem rendido ótimos frutos. Participar de uma sociedade científica tem inúmeras vantagens, direta ou indiretamente oportunizou a ampliação da minha rede de contatos profissionais e pessoais. Tive a satisfação de conhecer os líderes e figuras importantes da área de pesquisa em Biomecânica, além de participar de eventos científicos que oportunizaram meu crescimento acadêmico e profissional. Estas experiências são sempre compartilhadas para que mais estudantes tenham a oportunidade de conhecer todo o suporte que a Sociedade oferece.

Participei do edital de Apoio e Fomento Científico para Auxílio a viagens internacionais da SBB e tive a felicidade de ser contemplada. O Prêmio viabilizou minha participação no 22nd Annual Congress of the European College of Sport Science, que aconteceu entre os dias 4 e 8 de julho de 2017, em Essen, Alemanha. Este evento é um dos maiores Congressos multidisciplinares e interdisciplinares da Ciência do Esporte. As áreas envolvidas na Ciência do esporte incluem: fisiologia, medicina esportiva, ciências sociais e humanas e biomecânica.
O evento teve a participação de mais de 2300 participantes de diferentes locais do mundo.
Foram 5 dias de muito aprendizado, descobertas, contato com professores renomados, estudantes entusiasmados, vivência de outras culturas, com as mais novas descobertas do meio científico, enfim, uma chance única e indescritível .
Vi muitos trabalhos, alguns recém-publicados, alguns ainda no prelo, tomei conhecimento de muitas novidades na minha área de interesse e em outras. Porém acredito que mais interessante do que assistir palestras, foi o contato com outros estudantes e professores. A oportunidade de estar um  coffee break com Andrew Jones, editor chefe do European Journal of Sport Science, falando abertamente sobre as publicações no jornal, dando dicas, respondendo perguntas e interagindo com todos não pode ser medida.Presenciar uma sessão de apresentações orais, onde o apresentador baseia seu trabalho em contribuições do Professor Walter Herzog, e ver no momento das perguntas este professor dando suas contribuições ao trabalho é emocionante. Tenho certeza que quero viver isto outras vezes.
Além desta enorme experiência de participar como ouvinte do Congresso, ter um trabalho desenvolvido com meu grupo de estudos no Laboratório de Avaliação e Pesquisa em Atividade Física - LAPAFI- publicado no evento foi um divisor de águas na minha vida, agradeço ao meu grupo e ao meu Prof. Orientador, Prof. Rafael Baptista, por todo apoio e incentivo.


Aproveitei a longa viagem até a Alemanha para visitar a Universidade Alemã do Esporte de Colônia, German Sport University Cologne, onde fui recebida por dois professores. Mediante contato prévio, agendei minha visita a dois Institutos da universidade, o Instituto de Neuroplasticidade e Neuromecânica e o Instituto de Biomecânica e Ortopedia (IBO). Conheci os laboratórios dos institutos, alguns pesquisadores e pude presenciar a última aula ministrada pelo coordenador do IBO, que apesar de ter sido em Alemão, idioma que eu AINDA não entendo, foi emocionante. O auditório estava cheio de alunos e outros professores da Universidade, para presenciar aquele momento de despedida e fechamento de um ciclo.


 A participação no Congresso e minha visita à Universidade Alemã do Esporte transcendem qualquer expectativa que criei inicialmente. Por isso gostaria de deixar registrado a importância de fazer parte de uma Sociedade como a SBB, que tem claramente a preocupação com o fomento de atividades que desenvolvam a produção e aplicação do conhecimento científico.
Passar por tudo isso na graduação só reforça minha vontade de continuar estudando, e principalmente contribuindo com a Biomecânica e o crescimento da produção científica no meu país e na minha comunidade acadêmica.
 
Andreia Aires
 
agaires@gmail.com
 


terça-feira, 15 de agosto de 2017

Apresentação dos programas de pós-graduação ligados à Biomecânica no Brasil - USP

PROGRAMA CIÊNCIAS DA REABILITAÇÃO
FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
_________________________________________________________

Coordenação: Isabel de C N Sacco Vice-coordenação: Eliane Schochat
NOTA CAPES: 5
_________________________________________________________
     O Programa Ciências da Reabilitação (área de concentração: Ciências da Reabilitação) tem como sustentação epistemológica o estudo crítico dos princípios, das hipóteses e dos resultados das três ciências que o compõe (Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional) sendo destinado a determinar a origem lógica, o valor e a objetividade dessas ciências.  A vocação do programa é oferecer a oportunidade de desenvolvimento científico e aprofundamento do nível de graduação. Objetivamos formar profissionais qualificados para atuar no ensino, pesquisa científica, em organizações de saúde pública e privadas.




_________________________________________________________

_________________________________________________________


Linhas de pesquisa e Projetos relacionados à Biomecânica:
1. Biomecânica da locomoção de diabéticos neuropatas:
A linha de pesquisa do projeto tem como objetivo investigar a biomecânica da locomoção de diabéticos neuropatas, avaliar as alterações na sua função musculoesquelética, biomecânica e sensorial para assim, observar suas principais adaptações diárias funcionais, sensoriais e motoras.

2. Estudo Biomecânico aplicado à Fisioterapia:
A linha de pesquisa do projeto tem como objetivo investigar os aspectos biomecânicos do movimento e postura humana em condições normais e patológicas que tenham implicações diretas para a fisioterapia tanto em termos de contribuição para a ciência como para a relevância clínica e tratamento. Atualmente estamos desenvolvendo um RCT para melhora da funcionalidade dos pés, atividades da vida diária e velocidade da marcha de diabéticos neuropatas.

3. Estudo Biomecânico de movimentos esportivos em condições saudáveis e patológicas:
O objetivo desta linha de projetos é investigar o comportamento biomecânico durante a execução de movimentos esportivos, tais como a corrida, em diferentes condições, tais como com e sem o uso de calçados esportivos, diferentes tipos de calçados, e atualmente estamos desenvolvendo um RCT para prevenção de lesões relacionadas à corrida funcional de tornozelo.

4. Estudo Biomecânico do método Pilates:
A prática do método Pilates tem sido muito procurada por pessoas que buscam uma melhora na sua qualidade de vida por meio da atividade física. Dentre os objetivos posturais do Método Pilates estão a correção de desvios de alinhamento postural, o fortalecimento de membros inferiores e tronco e também aumento da percepção do alinhamento corporal. Esta linha de pesquisa busca descrever e compreender os padrões de movimento do Pilates e suas implicações para a clínica fisioterapêutica.

5. Investigação da distribuição multivetorial de cargas do assoalho pélvico feminino:
O assoalho pélvico é um conjunto de músculos, ligamentos e fáscias, localizado na região da pelve, ainda pouco estudado do ponto de vista da biomecânica. Sua função é sustentar os órgãos pélvicos e garantir a continência urinária e fecal. A força, o controle e a simetria da contração da musculatura do assoalho pélvico estão relacionadas à severidade da incontinência urinária e à satisfação sexual, no entanto não existe ainda um padrão ouro para essa avaliação. Neste trabalho utilizamos uma ferramenta de avaliação multivetorial capaz de identificar a magnitude e a direção relativa da contração muscular do assoalho pélvico e investigamos estas forças em diferentes populações (incontinentes, insatisfação sexual, treinadas em Pompoarismo) e em diferentes exercícios (abdominais, técnica hipopressiva).
_________________________________________________________
Laboratorio de Biomecanica do Movimento e Postura Humana
Coordenadora: Isabel de C N Sacco – icnsacco@usp.br
http://www.usp.br/labimph/

Atualmente temos vagas para mestrado e doutorado para os projetos: Investigação da distribuição multivetorial de cargas do assoalho pélvico feminino (Ginástica Hipopressiva) e Estudo Biomecânico aplicado à Fisioterapia (RCT Diabéticos).

sábado, 12 de agosto de 2017

Apresentação dos programas de pós-graduação ligados à Biomecânica no Brasil - UNESP

Programa de Pós-Graduação em Ciências da Motricidade – Interunidades – Universidade Estadual Paulista - UNESP


O Programa de Pós-Graduação em Ciências da Motricidade foi criado em 1991, nível de mestrado acadêmico. A criação do Curso de Doutorado no programa foi implementada em 2001. O programa de Pós-Graduação possui conceito 6 na CAPES mostrando, assim, a qualidade científica de nosso corpo docente e nossa preocupação em formar profissionais de alto nível para o mercado nacional e internacional.

Os objetivos do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Motricidade são: formar docentes da área de educação física e áreas afins como educação, psicologia, sociologia, fisioterapia, física, filosofia, psicologia, engenharias e biologia e formar pesquisadores na área de motricidade humana.

Áreas de Concentração: Biodinâmica da Motricidade Humana, Pedagogia da Motricidade Humana e Atividade Física e Saúde.

- Linhas de pesquisa vinculadas à biomecânica

COORDENAÇÃO E CONTROLE DE HABILIDADES MOTORAS

Descrição: Examina os mecanismos e processos subjacentes à aquisição, realização e refinamento das ações motoras ao longo do ciclo vital, sob condições normais e atípicas.


- Resumo dos projetos que estão sendo desenvolvidos:

1) Asymmetry in Parkinson’s disease: effects on walking and posture

The most patients with Parkinson's disease (PD) shows unilateral motor impairment. However, the motor control related to asymmetry on walking and postural control is not well known. The general aim of this study is to analyze the asymmetry on walking, with and without environmental demands, and posture, according to the effect of medication, of the patients with PD in early and moderate stages of the disease. To answer the questions of the project, a series of studies will be developed, which will address the asymmetry on walking with and without auditory cue and postural control in different static positions.

2) Impact of muscle fatigue on mechanics and motor control of walking in different environments

The aim of this thesis was to analyze the effects of muscle fatigue on mechanics and motor control of walking in different environments. Series of fatigue and walking experiments addressed the effect of leg muscle fatigue on walking in different environments, the impact of age and neurodegenerative diseases on gait adjustments with muscle fatigue, and effects of fatigue in task-specific muscle groups on mechanics and control of gait during stepping down.

3) Biomechanics, motor control and performance

The best performance in sports is the dream of all athletes. To improve the performance is necessary a detailed analysis of the movement. Therefore, the aim of this project is to analyze the performance of the athletes in different sports from the point of view of biomechanics and motor control. For this, a series of studies has been developed seeking to answer questions related to the human movement applied to sport.

4) Posture, locomotion and neurodegenerative disease

The main aim of this study is to understand underlying how gait and posture are planned and controlled. The research approach consists of a combination of experimental and clinical studies aimed at unraveling the interplay between organismic, task-related, and environmental constraints examining gait and posture in neurologically healthy individuals and people with neurodegenerative diseases, such as Parkinson’s disease and Alzheimer’s disease. A series of studies are investigating the mechanisms of postural control and locomotion in neurologically healthy individuals and with neurodegenerative disease, included or not in a physical activity program.


Fabio Augusto Barbieri - barbieri_rc@hotmail.com

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Apresentação dos programas de pós-graduação ligados à Biomecânica no Brasil - PUCRS

Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica – PPGEE da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS 

Objetivos: 
Preparar os egressos para atividades de ensino, pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica. Com foco em Sistemas de Energia e Tecnologias da Informação, o Programa busca atender demandas dos setores público e privado, gerando e fixando no país inovações tecnológicas de elevado valor, agregado em setores emergentes de pesquisa e desenvolvimento.


- Linhas de pesquisa vinculadas à biomecânica: Engenharia biomédica

Resumo dos projetos que estão sendo desenvolvidos.
Existem dois projetos sendo desenvolvidos, ambos com população idosa. Todos os avaliados são participantes de um programa de atividades físicas que é desenvolvido na PUCRS.  Um dos projetos é realizado em parceria com a psicologia, e pretende correlacionar as variáveis biomecânicas da marcha com o desempenho no funcionamento cognitivo através da avaliação das funções executivas (iniciação, inibição, flexibilidade cognitiva), bem como com o desempenho das memórias avaliadas (episódica, semântica, prospectiva, de trabalho e visual), da atenção concentrada, e da linguagem (fluência verbal).



















O outro projeto tem a intenção de avaliar de maneira aguda, como uma atividade de vida diária realizada concentricamente e excentricamente influencia na biomecânica da marcha do idoso avaliado. Estes resultados serão comparados com a avaliação da marcha sem intervenções. O objetivo é avaliar se esta AVD pode influenciar na qualidade de marcha dos idosos, avaliada por meio das forças de reação com o solo e consequentemente na execução de suas tarefas diárias.






Para saber mais sobre nossos projetos:

rafael.baptista@pucrs.br 




terça-feira, 1 de agosto de 2017

Apresentação dos programas de pós-graduação ligados à Biomecânica no Brasil - UNIPAMPA

Programa Multicêntrico de Pós-Gaduação em Ciências Fisiológicas - mestrado e doutorado - Universidade Federal do Pampa

Objetivos: 
a) propiciar conhecimentos dos fenômenos fisiológicos, preparando seus estudantes para o desempenho de atividades de pesquisa e de magistério superior na área; 
b) incentivar a pesquisa e aumentar a produtividade científica na área de Ciências Fisiológicas; 
c) ampliar o número de profissionais com qualificação moderna, diferenciada e de excelência na área, com capacidade de competir nos melhores centros nacionais e internacionais.

- Linhas de pesquisa vinculadas à biomecânica
Neurofisiologia e comportamento (adaptações motoras): prover um conhecimento básico da produção e regulação de movimentos voluntários no contexto do esporte e da reabilitação em modelos de estudos com humanos e modelos animais, visando melhora da qualidade de vida das pessoas, minimizar o risco de lesão e aumento do rendimento esportivo.



- Resumo dos projetos que estão sendo desenvolvidos.
Os projetos em desenvolvimento nesta linha de investigação tem o objetivo de compreender as respostas agudas do exercício físico sobre parâmetros neuromusculares, neurais e cognitivos, assim como compreender as estratégias do sistema nervoso central para tolerar o exercício físico em condições de estresse físico, ambiental ou mental. Nesse sentido, os estudos envolvem técnicas de pesquisa de diferentes áreas do conhecimento, como biomecânica, neuromecânica, fisiologia e bioquímica. Estudantes interessados em cursar mestrado ou doutorado conosco são altamente recomendados a fazer contato conosco.



















Para saber mais sobre nossos projetos:
http://porteiras.s.unipampa.edu.br/gnap
https://www.facebook.com/gnap.unipampa.brasil/ 
carpes@unipampa.edu.br